Celular: ensino e aprendizagem

 
O celular como ferramenta 
 
de ensino e aprendizagem

Atividade 1
 
 
Olá, pessoal!
 
Como prometi, aqui está o post com o passo a passo e as dicas de como utilizei o celular na sala de aula.
 
Inicialmente, planejei 3 atividades em que os estudantes tivessem que utilizar o dispositivo móvel para realizar as tarefas. A primeira atividade foi mais simples e, certamente, mais operacional, mas não menos importante.
 
A segunda e a terceira atividade foram mais aprofundadas, demandaram pesquisa, seleção de informação relevante, compartilhamento de conhecimento e produção original de material.
 
O celular pode ser um transtorno durante a aula, mas também pode ser um grande aliado de professores e alunos. Inserido na prática pedagógica de acordo com o que o professor planejou, deixa as aulas mais dinâmicas e mais de acordo com o contexto dos alunos.
 
As atividades foram um sucesso. O grupo ficou mais motivado, unido e participativo.
 
Todas as propostas funcionaram muito bem.
 
Fiquei bastante feliz com os resultados obtidos.
 
 
Vamos ao passo a passo da primeira atividade:
 
Esta atividade tinha como proposta o estudo do conto A cartomante de Machado de Assis. O foco da abordagem era a estrutura da narrativa e seus elementos. Para isso, apresentei aos alunos 5 questões que deveriam ser respondidas de acordo com o texto em dois tempos de aula.
Preparação:
 
1. Verifiquei se a maioria dos alunos tinha smartphones e internet móvel. Sim, a maioria tinha.
2.  Combinei com a turma a leitura antecipada do conto. Para isso, usei três estratégias para disponibilizar o texto:
– deixei o texto para tirarem cópia (para os que disseram não ter acesso);
– postei no meu blog o arquivo pdf do conto.
– enviei o arquivo para as turmas que possuiam email coletivo.
– deixei ainda no blog uma apresentação com os tópicos da matéria estudada para que consultassem.
 
Link do post:
http://www.claricemenezes.blogspot.com.br/2014/07/a-cartomante-e-os-elementos-da.html#links
O dia da aula
 
3.  No dia marcado, separei a turma em grupos com 4 alunos. Cada grupo com pelo menos um ponto de acesso à internet. Tudo certo!
 
4.   Com celulares e internet a postos, pedi para cada grupo acessar meu blog para ver as questões a serem respondidas.
 
5.   Ao final, o trabalho deveria ser entregue a mim.
 
6.   Distribuí uma ficha de avaliação a ser entregue pelos alunos com impressões, opiniões e sugestões sobre trabalho realizado. A ficha de avaliação merece uma postagem só pra ela! Aguardem.

Algumas curiosidades:


1. Claro que nem todos os alunos leram o conto anteriormente, como combinado.
2. Claro que houve alunos que não leram o conto anteriormente, mas deram um jeito. Alguns correram pra fotocopiadora, outros fizeram download do pdf e outros ainda fotografaram as cópias dos colegas e leram na tela do celular.

3. Mais de um celular foi usado por grupo: uns para a consulta do texto, outros para a leitura das questões.

4. O Google foi consultado como dicionário.

5. Muitos compartilharam a internet com os colegas. Alunos são solidários.
 

O que aprendi:

1. Trabalhe com o que tem, não espere perfeição na Educação.

2. Acredite em seus alunos. Desafie-os. Eles curtem.

3. Dinamize. A tecnologia está aí pra isso.

4. Aposte na mudança, ela é inevitável.
5. Continue tentando, nunca desista.
 
 


Em breve vou compartilhar mais atividades com dicas de como trabalhar com o celular em sala de aula.
 
Espero que tenham gostado.
 
Fiquem à vontade para enviar comentários e sugestões e também compartilhar.
 
Um abraço a todos.
 
Até a próxima.